Atendimento

Atualizando informações ...

Isocox Ruminantes 1L

Ref: 1106
Marca: Ouro Fino
Descrição Geral

Desenvolvido com alta tecnologia e formulação inteligente, Isocox® proporciona maior absorção do ativo e maior eficácia no combate à coccidiose, com total aceitação pelos leitões.

 

FÓRMULA

Cada 100 mL de produto contém:

Toltrazuril..........5,00 g

Veículo q.s.p...........100,00 mL

 

INDICAÇÃO

Isocox®é um agente anticoccidiano para suínos, bovinos e ovinos.

Suínos: A coccidiose causa diarreia principalmente em leitões com idade entre 5 a 30 dias. Isocox® atua em todas as fases de desenvolvimento do parasita e é indicado para profilaxia e tratamento da coccidiose (isosporose suína).

Bovinos e ovinos: A coccidiose bovina e ovina acomete principalmente animais jovens, também apresentando alterações gastrintestinais e quadros variáveis de diarreia. Nestas espécies, o Isocox® é indicado na profilaxia, metafilaxia e tratamento da coccidiose bovina provocada por Eimeria bovis e Eimeria zuernii e ovina por Eimeria crandallis e Eimeria ovinoidalis.

 

MODO DE USO E DOSAGEM

Suínos: Isocox® deve ser administrado a toda leitegada a partir do terceiro dia de vida como profilaxia da coccidiose na seguinte dosagem: 1 mL de Isocox®para cada leitão (equivalente a 20 mg/kg de peso). Para tratamento, utilizar a dose de 1 mL de Isocox® para cada 2,5 kg de peso dos animais (equivalente à 20 mg/kg de peso). Em casos de propriedades com alto desafio, a dosagem pode ser repetida após 5 dias ou a critério do médico-veterinário.

Bovinos e ovinos: Deve ser administrado em bovinos na dosagem de 3 mL/10 kg de peso vivo (equivalente à 15 mg/kg de Toltrazuril) pela via oral em dose única. Em ovinos, administrar na dosagem de 1 mL/2,5 kg de peso vivo (equivalente a 20 mg/kg de Toltrazuril) pela via oral em dose única.

As práticas de manejo existentes em cada propriedade, como a rotação de pastagens, instalações, densidade animal, idade, assim como características genéticas ou raciais, podem influenciar na incidência de parasitas e, consequentemente na eficácia do produto.

Assim, cada propriedade rural poderá apresentar necessidades diferentes para o controle parasitário, sendo recomendado o controle integrado e estratégico de parasitas, a ser definido pelo médico-veterinário.

Produtos visualizados

Carregando ...